Não achou o cartão desejado? Faça outra busca


Curiosidade: O que significa cada número do cartão de crédito?


O que significa cada número do cartão de crédito?

Em uma sociedade cada vez mais guiada pelo meio digital, é difícil pensar em alguém que em algum momento da vida não lidou com um cartão de crédito. Embora existam aqueles que ainda prefiram realizar pagamentos em dinheiro, esses pequenos pedaços de plástico se mostram muito mais versáteis e práticos do que as antigas cédulas de papel.

No entanto, apesar de serem bem conhecidos, esses cartões carregam em si um elemento que parece bastante misterioso para muitas pessoas. Para muitos, a numeração contida nesses objetos pode até parecer fruto do mero acaso, não apresentando qualquer sentido lógico que indique seu propósito.

Neste artigo, acabamos com qualquer espécie de confusão ao explicar qual a função desempenhada por cada número presente nessa forma de pagamento. Assim, além de entender o porquê desse sistema existir, você ainda vai poder contar vantagem para seus amigos e explicar o significado de cada um dos dígitos.

Números divididos por setor

Apesar de parecerem aleatórios, os números contidos em um cartão de crédito seguem padrões bem definidos. Prova disso é o fato de que cada “setor” numérico corresponde a um tipo diferente de informação, o que não só facilita a produção desses itens como garante mais segurança às agências bancárias e seus usuários.

O que significa cada número do cartão de crédito [ilustração] (Fonte da imagem: Reprodução/First Nations in British Columbia)

Os primeiros seis dígitos estão relacionados à bandeira do cartão — Visa começa com 4, a Mastercard adota números que vão de 51 a 55 e a American Express opta por 34 ou 37. Essa regra se aplica a todo o mundo, tendo sido definida pela ISO/IEC 7812 em 1989 como forma de padronizar movimentações financeiras.

O que significa cada número do cartão de crédito [ilustração]

Segundo a determinação, cartões de crédito e débito só podem começar com 3, 4, 5 e 6. Já os demais dígitos são usados para outros propósitos, como sistemas de fidelidade, convênios médicos e até mesmo para identificar cartões capazes de armazenar créditos para a realização de ligações telefônicas, entre outras opções.

Identificação e segurança

Os nove dígitos seguintes servem como uma forma de identificar o cliente, contendo meios para que instituições financeiras determinem qual a sua agência bancária e quais bandeiras ele está autorizado a usar. Porém, o número mais interessante de seu cartão é o último, que serve como um verificador de segurança que impede que muitos hackers usem programas para criar documentos falsos.

O que significa cada número do cartão de crédito [ilustração] (Fonte da imagem: Reprodução/Irish Fireside)

Esse dígito é determinado por um algoritmo inventado pelo engenheiro da IBM Hans Peter Luhn, que utiliza os dados presentes em seu cartão como base para uma série de cálculos. Criada em 1954, essa ferramenta de domínio público serve como uma forma de detectar quaisquer erros que possam ocorrer na hora de digitar os números de seu cartão (na hora de fazer uma compra online, por exemplo).

Para finalizar, há o CVV, código formado por três números presente na parte traseira de seu cartão de crédito. Essa ferramenta serve como uma proteção de segurança adicional pela própria instituição que emite o objeto, sendo calculada no momento em que seus dados são criptografados e a data de validade do documento é estipulada.

Fonte: TecMundo

Tagged Under : , ,



Comments are closed.